sábado, 13 de agosto de 2016

Pai!

Hoje é dia dos pais, um dia para homenagear aquele que é o nosso herói, o nosso exemplo, o nosso porto seguro. Mas e quando esse pai já desencarnou e esse dia acaba tornando-se um dia triste, o que fazer?
Para nós espiritas é um dia de orações e não é um dia de tristeza, pois o nosso pai querido não está morto, está em outro plano, em outra existência e o jeito mais fácil de homenageá-lo é orando, pois as vibrações positivas chegarão até ele e com certeza isso o deixará feliz, confortável e também um pouco saudoso. É claro que a saudade aparece, pois somos todos humanos e sentimos falta daquele que partiu como também é normal derramar lágrimas quando esse dia chega, mas não é um dia triste, é um dia de lembranças, de quando vivíamos juntos nesse plano. Mesmo que você que está lendo esta matéria e não é espirita, faça uma oração, pois o Deus em que acreditamos é o mesmo e a oração é o meio mais fácil de conversar com Ele, é o caminho mais curto de estar perto de quem desencarnou e é o meio mais fácil pra dizer:

- EU TE AMO MEU PAI!


Para meu pai Flávio, um homem que tinha muitos vícios, mas que superou todos, mas principalmente, que me amou muito e me fez sentir orgulho dele, meu herói, meu exemplo de superação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário